Últimos Posts
Cultura

Teatro

Shows

Exposições

Noite

Festas

Esportes

Eventos Esportivos

Cinema: Festival do Rio 2011

Publicado por: Daniel Pochintesta
segunda-feira, 5 de setembro de 2011


Começa a contagem regressiva para o Festival do Rio 2011! Tradicionalmente realizado na terceira semana de setembro, neste ano o Festival do Rio, que chega à sua 13ª edição, será realizado no período de 6 a 18 de outubro para não coincidir com o Rock in Rio e evitar o congestionamento da cidade com estes dois grandes eventos ocorrendo simultaneamente.

O Festival do Rio começou em 1999 como resultado da fusão dos dois maiores festivais brasileiros de cinema: o Rio Cine (fundado em 1984) e a Mostra Rio (fundada em 1988). Atualmente assume o posto de maior festival de cinema não só do Brasil, mas de toda a América Latina, sendo um evento de grande importância para o cenário cultural e cinematográfico nacional e internacional.

Em 2010, o Festival do Rio teve mais uma vez a missão de estender um vasto painel do cinema feito hoje no mundo, assim como voltar atenção para os grandes realizadores de todos os tempos. Ao todo, foram cerca de 345 filmes divididos em mais de 27 mostras, com produções de mais de 60 países exibidas em 18 salas espalhadas pela cidade. O público desse ano foi de mais de 250 mil espectadores.

Dos vizinhos da América Latina, o Festival ofereceu ao público 20 filmes que tiveram sua estréia nacional. As mostras internacionais fixas do festival são: Panorama Mundial, Expectativa, Limites e Fronteiras, Mostra Geração, Tesouros da Cinemateca, Dox, Doc Latino, Midnight Movies, Mundo Gay e Pocket Films.

Clique aqui para conferir a listagem de filmes selecionados para o Festival do Rio 2011.

Embora a maior parte do festival seja direcionada para o publico brasileiro, o Festival do Rio também tem um setor industrial muito forte, contando com seminários, master class, reuniões individuais agendadas, e eventos de contato cobrindo as áreas de filmes, home entertainment e televisão.

O festival é utilizado por distribuidores, incluindo os grandes estúdios, para lançar filmes no mercado brasileiro e também é utilizado de forma bem sucedida por empresas internacionais de vendas para colocar filmes ainda não vendidos para o Brasil a disposição de compradores brasileiros. A maioria dos executivos das industrias de filme e televisão brasileiras participam do festival, assim como compradores de toda a América Latina. O festival é, de certa forma, a melhor vitrine na América do Sul para produções independentes.

O que mais já passou por aqui

Não podemos esquecer também dos outros posts mais antigos que também passaram por aqui. Confira abaixo alguns deles que deram o que falar!